Salário Maternidade 2017



A desinformação muitas vezes leva a perdas que podem provocar bastante transtorno na vida de uma pessoa. Por exemplo, até hoje existe algumas gestantes que não sabem que tem direito ao salário maternidade no período em que se ausenta do seu posto de trabalho. Sabemos que ele é de grande importância, pois ajuda a custear materiais e alimentação para criança no período de ausência do emprego. Então, quer conhecer um pouco mais sobre este assunto? Leia este artigo!

Salário Maternidade 2017
Salário Maternidade 2017

O que é o salário maternidade?

O salário-maternidade é um benefício que pode ser solicitado pelas mães que acabaram de ter bebê, tanto por parto quanto adoção.  Além de assegurar as contas da casa, o salário-maternidade é importante, pois ajudará também as mães custear matérias próprias para bebê e exames de rotina que surgiram após o nascimento.

Dependendo da situação da trabalhadora, o salário maternidade poderá ser pago pela empresa em que ela trabalha ou pela Previdência Social, através da Caixa Econômica, como veremos a seguir.

Esse benefício é pago através das arrecadações dos trabalhadores pelo INSS e pela tributação trabalhista conhecida como PIS-COFINS, que financia esse e outros benefícios do trabalhador brasileiro.

Quando posso receber o salário maternidade?

O salário-maternidade pode ser recebido a partir do oitavo mês de gestação ou também 28 dias antes do momento do parto, contato que apresente o atestado médico, ou também a partir da data referente ao nascimento do bebê, neste caso deve levar uma cópia certificada da certidão de nascimento do bebê.

Mesmo que haja caso de falência da empresa, a empregada possui direito em receber o salário-maternidade.

Qual o valor do salário maternidade?

O valor do salário maternidade vai de acordo com a quantia que a gestante recebe. Por isso, o valor do salário é relativo a remuneração mensal da mulher. Fique de olho no valor que consta na carteira de trabalho, caso não receba a mesma quantia deverá tomar as providencias cabíveis.

No caso das empregadas domésticas, elas têm direito a receber a quantia referente ao último salário de contribuição. E, claro, está sempre de olho atento aos limites do salário para a Previdência Social.

Como solicitar o salário-maternidade?

Este benefício pode ser solicitado na empresa em que a gestante possui vínculo empregatício, mais especificamente no setor de recursos humanos (RH), órgão responsável por administrar a parte de contratação e salário na organização da empresa. Ou também numa agência do INSS. Outra forma de solicitação é pela internet pelo site da Previdência,.

Quem paga o salário-maternidade?

É de grande importância saber as procedências a cerca do salário-maternidade, não só apenas a data de recebimento. Estar informado sobre todos os processos evita, muitas vezes, perca de tempo. E é sabido que essa fase da mãe requer cuidados e tempo para o bebê, não é verdade.

O salário-maternidade é pago pela empresa empregadora, no caso de mães com carteira assinada. O valor do salário-maternidade posteriormente é repassado à empresa pelo INSS. Se a empresa concede a ampliação dos dois meses da licença (no caso, 180 dias), a empresa deve pagar a totalidade desses dois salários, sendo possível descontar o valor no imposto de renda.

Em caso de mulheres com mais de um emprego, elas possuem direito a receber o salário-maternidade em cada um dos vínculos empregatícios.

Está com alguma dúvida sobre salário-maternidade? Diga-nos na área de comentários para que possamos solucioná-la.